quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Lavar a alma

(Fotografia alojada em www.sesimbra.blogspot.com)



Sesimbra. Céu e mar no mesmo azul. E de azul também a traineira "Luis Adrião". Sempre azul, abrindo caminho até à doca, deixando rastos de branca espuma que apetece seguir. E um bando imenso de gaivotas que parecem saudar e também guiar a embarcação até ao porto de abrigo. Quem está em terra já sabe; a faina foi próspera. Autêntico ouro sobre azul!
A fotografia cola-se à pele, pela beleza, pela autenticidade e ajuda a lavar alma. Adivinha-se o canto das gaivotas, o cheiro a mar ao amanhecer e o sorriso do mestre Fernando Manso. Adivinha-se a alegria dos outros homens da companha. Pescadores de rosto queimado pelo sol e pelo sal do (nosso) mar, homens valentes nem sempre bem recebidos pelo mar, homens de sorriso franco e grande generosidade, com fios brancos de cabelo e sapiência a espreitarem por debaixo dos bonés... uma imagem vale por mil palavras.
N.B. Mil agradecimentos ao fotógrafo, também pela beleza do momento eternizado pela objectiva.

3 comentários:

Natália disse...

"O mestre é um homem generoso,
preocupa-se com os homens
da companha, como se fossem
filhos. O mestre é um homem de
grande carácter, coração grande.
Como todos os pescadores, o
mestre é gente boa. Tem no
olhar a nostalgia do vasto e profundo
oceano, nos lábios um
eterno sorriso que ajuda a acreditar
num mundo melhor.
Estas linhas poderiam ser sobre
qualquer um dos nossos bravos
pescadores. No entanto, apetece-
me dedicar esta Pedra Alta
ao "velho" mestre Fernando
Manso, porque a voz do sangue
fala mais alto"

Recordas estas palavras? Foi muito bom partilhar contigo este sonho bonito e, por isso, acho que todos merecem partilhar connosco estas frases sentidas... Mais uma grande malha tua, cheia desse sentimento bom que é a admiração e o amor que sentes pelos outros.

Piedade Coelho disse...

Acho que também já li estas palavras sobe o mestre em qualquer lado. Linda, a descrição...

J.A. disse...

Eu é que agradeço estas palavras, sentidas e belíssimas. Obrigado.
J.A.